Últimas Notícias

Publicidade

Baturité

Outras Opções

Caio Prado

6 de junho de 2012

Palmeiras perde para o Sport e segue sem vencer no brasileiro

Reprodução/ESPN
   O Palmeiras visitou o Sport em busca da primeira vitória no Brasileiro, mas teve de adiar a expectativa de ganhar na atual edição do campeonato. Num jogo equilibrado na chuvosa Recife, o time paulista saiu atrás, buscou o empate, mas acabou perdendo por 2 a 1 para os pernambucanos. Com o resultado, o Sport chega aos cinco pontos, agora com dois empates e uma vitória. Já o Palmeiras segue sem vencer no Brasileiro e soma apenas um ponto em três rodadas. O Palmeiras começou o jogo com um esquema ofensivo, mas aos 15 minutos acabou sofrendo um gol dos donos da casa, quando Marquinhos Paraná recebeu dentro da área para tocar no canto de Bruno e abrir o placar. 
    O jogo seguiu bastante disputado e debaixo de chuva em Recife. E aos 38 minutos, Barcos recebeu, cortou para o lado esquerdo e soltou o pé para empatar: 1 a 1. Mas no segundo tempo, apesar do equilíbrio, o Sport conseguiu desempatar a partida. Felipe Azevedo arriscou de fora da área e acertou o canto para garantir o 2 a 1. No fim, Barcos ainda fez outro, mas a arbitragem assinalou impedimento do ataque palmeirense. 
     No próximo final de semana, o Palmeiras recebe o Atlético-MG, às 21h de sábado, no Pacaembu; já o Sport sai para enfrentar o Cruzeiro, domingo, às 18h30, em Varginha. O jogo O novo esquema tático do Palmeiras, com três atacantes, emperrou nos minutos iniciais da partida. Apesar da opção pelo sistema mais ofensivo, o técnico Luiz Felipe Scolari viu seus jogadores distantes em campo, prejudicado também pela forte marcação sofrida por Valdivia. Mesmo assim, o Palmeiras teve uma boa oportunidade aos três minutos, quando Marcos Assunção cobrou falta da intermediária, ninguém desviou na área e Magrão rebateu. No rebote, os palmeirenses não conseguiram aproveitar. Sob chuva forte na Ilha do Retiro, Valdivia recebeu cruzamento de Juninho pouco depois e finalizou para fora, pressionado pela defesa. A partir daí, o Sport encontrou espaços para ir ao ataque, principalmente pela pressão que fez na saída de bola do adversário. Assim, aos 14 minutos, em bobeira da defesa palmeirense, Jheimy recebeu lançamento pela esquerda e cruzou rasteiro para Marquinhos Paraná, que ganhou na corrida de Márcio Araújo para concluir para a rede. Depois do gol, a qualidade técnica do jogo caiu ainda mais. 
   O time pernambucano até tentou pressionar na busca pelo segundo gol e reclamou da marcação do Palmeiras, em lances que Leandro Vuaden não considerou ter existido falta. Do outro lado, o time paulista errava muitos passes e quase não chegava à meta de Magrão. A partida só voltou a ter emoção aos 38 minutos, no gol de empate dos paulistas. Ao perceber a dificuldade de sua equipe em ameaçar, o zagueiro Henrique foi ao ataque e recebeu pela esquerda, para tocar na entrada da área ao argentino Hernán Barcos, que driblou o marcador e chutou de esquerda para acertar o ângulo. Antes do apito para o intervalo, os visitantes quase viraram. Luan cruzou da esquerda para a segunda trave, onde Maikon Leite dominou, driblou Rivaldo e chutou para fora. O Sport ainda perdeu Moacir, lesionado, no primeiro tempo. Com isso, Hamilton entrou na partida. Para a segunda etapa, o técnico Vágner Mancini também tirou Jheimy para colocar Reinaldo. 
   O time rubro-negro passou a segurar mais a bola na frente, mas quase foi castigado no contra-ataque. Barcos fez o lançamento na esquerda para Maikon Leite, que cruzou rasteiro para Valdivia. Mesmo com liberdade, o chileno desperdiçou ótima chance ao concluir sem direção. As duas equipes voltaram a exibir os problemas de criação, mas o Palmeiras deu espaço para o Sport balançar a rede. Aos 28, depois de saída errada de bola dos visitantes, Felipe Azevedo carregou pela intermediária e chutou rasteiro, no canto, para superar o goleiro Bruno. Depois do gol, Felipão fez três alterações na equipe, promovendo as entradas de Cicinho, Daniel Carvalho e Mazinho nas vagas de Artur, Cicinho e Luan. 
   Depois das mudanças, Marcos Assunção arriscou de longe, mas a bola desviou na zaga. Nos minutos finais, Marcos Assunção cobrou falta da intermediária e Barcos desviou de cabeça para a rede, mas o árbitro assinalou impedimento de Henrique, que estava próximo da jogada. O lance gerou muita reclamação por parte dos palmeirenses e não havia mais tempo de reação. 
   FICHA TÉCNICA: SPORT 2 X 1 PALMEIRAS 
Local: Ilha do Retiro, no Recife (PE) Data: 6 de junho de 2012, quarta-feira.       Horário: 19h30 (de Brasília) Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS)   Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA) Cartõesamarelos: Maikon Leite (Palmeiras)GOLS: SPORT: Marquinhos Paraná, aos 14 minutos do primeiro tempo. Felipe Azevedo, aos 26 minutos do segundo tempo PALMEIRAS: Barcos, aos 38 minutos do primeiro tempo SPORT: Magrão; Moacir (Hamilton), Bruno Aguiar, Edcarlos e Rivaldo; Tobi, Rithely, Marquinhos Paraná e Thiaguinho (Milton Júnior); Jheimy (Reinaldo) e Felipe Azevedo.
Técnico: Vágner Mancini PALMEIRAS: Bruno; Artur (Cicinho), Henrique, Leandro Amaro e Juninho; Márcio Araújo, Marcos Assunção e Valdivia (Daniel Carvalho); Maikon Leite, Barcos e Luan (Mazinho) Técnico: Luiz Felipe Scolari
(esportes.br.msn.com)

Imagens de Posts Relacionados a Itapiúna

 
Copyright © 2013 Itapiúna Informa - Você Sempre Bem Informado!
Site Desenvolvido Por Foto e Art Oliveira