Parte do corpo da mulher atropelada na BR 116 foi encontrado

Parte do corpo de Francisca Sulamita dos Reis Marques, foi encontrado no bairro Pedras, na tarde desta segunda-feira (13). A mulher de 52 anos foi atropelada no km 10 da BR-116, na noite da última sexta-feira (10). No acidente, ela teve seu corpo partido e a parte superior ficou desaparecida.

Desde então, a polícia e os familiares da vítima realiza buscas para encontrar a parte do corpo de Francisca. Policiais civis, rodoviários federais e familiares da vítima receberam a denúncia anônima de que o restante do corpo de Francisca Sulamita, o tronco dela, estaria escondido em um matagal às margens da rodovia. Buscas foram feitas na região.

Porém, quem deu a dica de onde o corpo estaria foi a advogada do suposto motorista do carro que atropelou Francisca. Então, policiais civis do  3oº Distrito Policial e da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) encontraram o tronco da vítima enrolado em um lençol, em um matagal.

O carro do autor do acidente, de modelo Corsa Hatch, na cor vermelha, foi encontrado desmontado e levado para Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) para passar por perícia. Uma parte do veículo estava localizado em uma oficina mecânica na Paupina. Já a carcaça do veículo e outras peças estavam em outra oficina, localizada no bairro Montese. Todo o material foi levado para o pátio do prédio da divisão de homicídios que instaurou um inquérito policial.

O motorista responsável pelo atropelamento informou aos policiais que ele iria se apresentar com um advogado. 

0 comentários:

Navegue Fácil!

Interaja!