Links Patrocinados

Chacina de Ibaretama: Vereadora eleita é capturada por suspeita de participação

Edivanda de Azevedo, vereadora eleita de Ibaretama (PT)  foi presa na casa de parentes, na manhã desta sexta-feira (18), no Bairro de Fátima, em Fortaleza. Ela é investigada por participação na chacina que deixou sete pessoas mortas no dia 26 de novembro no mesmo município onde ela foi eleita para a Câmara Municipal.

Nesta quinta-feira (17), os dois filhos dela, que já estavam presos, se tornaram réus por envolvimento no caso. Os irmãos Francisco Victor Azevedo Lima e Kelvin Azevedo Lima são suspeitos de prestar apoio logístico para que um grupo criminoso realizasse as execuções. As investigações da Polícia Civil apontam para, além das disputas de facções, a intenção de que roubos cessassem no reduto eleitoral da vereadora eleita.

O mandado de prisão preventiva foi cumprido após investigações da Delegacia Regional de Quixadá, que indiciou seis pessoas pela chacina. Outras três pessoas que foram indiciadas por suspeita de envolvimento do crime ainda seguem foragidas Entre elas está Wandeson Delfino de Queiroz, o ‘Interior’, apontado como líder da facção responsável pelas mortes e que também tornou-se réu. Ele tem um mandado de prisão em aberto.

(Fonte: Diário do Nordeste)

0 comentários:

Navegue Fácil!

Interaja!